Páginas

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

CAPÍTULO XXXI



O calor continua fervendo.



Todos na cidade do Rio de Janeiro estão sofrendo com a alta temperatura que tem feito nesse mês de fevereiro.

Na semana passada, houve um grande incêndio na Cidade do Samba e as escolas do grupo especial Grande Rio, Portela e Ilha do Governador tiveram seus espaços afetados, perdendo boa parte das fantasias. Os carros alegóricos não foram tão efetados e, graças a Deus, não houve feridos. Essa semana (hoje é 14/02/2011), foi decidido que elas desfilaram na Marquês de Sapucaí, mas não estarão sob a avaliação dos julgadores; ou seja, não correm o risco de irem para o grupo de acesso.

         Nesse meio tempo, Sofia sofre com o calor e se refresca como pode, com banho no meio da semana e com estadias longas no meu quarto sob o ar condicionado.

         Estou evitando fazê-la correr como antes, respeitando sua idade e o calor que sente. Se brincarmos muito, a respiração da Sofia fica muito rápida e demora a voltar ao normal. Fora o calor excessivo, Sofia vai muito bem, obrigada. Sempre tentando aprontar.


         Agora, quando estou brincando com ela e seus brinquedos, ela passa por debaixo das minhas pernas e me surpreende para tirar os brinquedos da minha mão. É muito bom vê-la tão feliz assim.
         Mais uma vez ela tentou cavar no canteiro da minha tia. Dessa vez, estávamos eu, tia Mirinha e minha mãe na cozinha da minha tia e vi como a Sofia estava curiosa pelo espaço. Fiquei calada, mas observando. Sofia procurou a bola e tinha largado e saiu do meu campo de visão. De repente, ela voltou sem a bola e começou a cavar perto do pé de acelora.
Olha lá a Sofia. disse para minha mãe.
Ah... deixa ela comigo.
Minha mãe foi de fininho e brigou.
Oh… pode saindo daí. Você não perdeu nada ai.
Sofia se assustou, pegou sua bola e foi se deitar no sol, como quem não fez nada. Nem se abalou!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...