Páginas

terça-feira, 2 de agosto de 2011

CAPÍTULO XXVII


Finalmente… novas camas!


     Lembram-se as camas novas da Sofia que comprei há um mês atrás? Então, finalmente chegaram. Lindas e perfeitas para a Sofia. Fiquei assustada quando vi as duas caixa enormes chegando. Dei meu jeito e coloquei as duas camas e os dois vestidos na mesma caixa. O problema foi levar uma caixa daquele tamanho, segurando outra bolsa de mão e ainda o guarda-chuva. Enfim… finalmente cheguei em casa.
     A primeira coisa que fiz foi experimentar as vestidos que comprei. Infelizmente, eles não serviram. Nem na cabeça dela eles couberam. Quando passamos para as camas. Sofia ficou louca. Foi logo pegando o brinquedo e levando para a cama preta. Devo admitir que fiquei decepcionada, pois esperava que ela escolhesse a mais fofa. Para tanto, fiquei eu deitada na cama não escolhida, chamando-a.
    ─ Aqui, filha! Essa aqui é melhor; mais fofinha. Vem com a mamãe!
    Nada de Sofia sair da outra. Assim, eu levei a MINHA cama preferida para o meu quarto e deixei lá, caso ela ainda tivesse curiosidade e funcionou!
    Sofia dormiu a noite toda no meu quarto e em sua cama nova. O meio da noite, ela saiu e foi fazer xixi na outra, que estava na sala. A pobrezinha da minha mãe teve que levantar às 5 horas para lavar a cama.
   
    Na noite seguinte, foi a vez de Anderson, meu primo, testar a cama da Sofia. Ele foi até minha casa e mostrei o novo móvel. Ele deitava na cama e chamava a Sofia que ia toda feliz e cheia de manha para ser mimada. O mais incrível é que o Anderson fala com a Sofia como se estivesse falando com um bebê. Ele faz a voz de uma criança de dois anos e ela adora isso. 
    Ao que parece, o processo de acostumá-la a não ficar mais no sofá está adiantando. Sofia agora passa o dia inteiro deitada em sua cama nova (a minha favorita, pois guardei a outra). Às vezes, ela ainda tenta subir e precisamos ficar de olho para dar o comando certo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...